Crônica 30/06/2020 10:42

Uma dupla caipira que não cantou neste São João

Por Ricardo Rosado

Serve para a alimentação, faz parte de eventos em religiões, veio da África e se incorporou aos utensílios domésticos pelo Brasil inteiro. 

Serve para a alimentação, faz parte de eventos em religiões, veio da África e se incorporou aos utensílios domésticos pelo Brasil inteiro.

Tem grande, pequeno, médio.

Serve pra pilar grãos, cereais, café, descascar arroz.

Com a paçoca, então, é a autêntica dupla caipira.

Até de peça de decoração.

Porém, neste período junino de 2020, atrapalhado pela peste, ficou meio esquecido num canto.

Mas deve voltar glorioso em breve.

Uma homenagem ao pilão.

 

Ricardo Rosado

Descrição Jornalista