Câmara Municipal 02/05/2020 06:32

Bom exemplo: Vereador Ary Gomes abre mão de verba indenizatória

Por Ricardo Rosado

Parlamentar é o primeiro da Câmara Municipal de Natal a renunciar integralmente aos 18 mil a que tem direito_

Parlamentar é o primeiro da Câmara Municipal de Natal a renunciar integralmente aos 18 mil a que tem direito.

O vereador Ary Gomes (PDT) abriu mão oficialmente do total da verba indenizatória de R$ 18 mil mensal a que tem direito na Câmara Municipal. O pedido inédito foi protocolado no parlamento antes do feriado de primeiro de maio, via requerimento, durante a sessão ordinária.

A chamada Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar Municipal (CEAPM) provém do duodécimo repassado ao Legislativo conforme determina a Constituição. O valor serve para custeio do gabinete de cada vereador e gastos das atividades relacionadas ao mandato.

Nos últimos meses Ary Gomes  vinha devolvendo metade da verba. Desde março último devolve o valor total. Nos últimos 14 meses a economia foi quase 50% do valor total. Agora ele abre mão até o fim de seu mandato de 100% do valor, que poderá ser utilizado pelo Executivo na área da saúde para o combate do Covid-19 em Natal.

Com a ação, Ary Gomes passa a ser o primeiro e único vereador da Câmara Municipal de Natal a fazer a renúncia total da verba indenizatória. Vai deixar de retirar dos cofres públicos, só nestes dez meses de 2020, ou seja, até o final do seu mandato, cerca de R$ 180 mil.

“A ausência de uma verba de gabinete não compromete a minha atuação como vereador. Há alguns meses já fazemos a devolução em parte, e agora renunciamos a verba extra de forma definitiva. São recursos que retornam ao município e, por consequência, à população. Vamos manter nosso trabalho na Câmara e também nossos projetos sociais apenas com o valor que recebemos de salário como vereador”, disse ele.

Fonte e foto: Assessoria

Ricardo Rosado

Descrição Jornalista